Como fazer as pessoas acreditarem em si, se eu não acreditar em mim? Não tem como

Como fazer as pessoas acreditarem em si, se eu não acreditar em mim? Não tem como. Como resolver isso? Me desafiando.

Minha vida como profissional de coach e gestão de pessoas, os desafios são enormes, e, muitas vezes, são difíceis de mostrar para quem não conhece os bastidores, ou mesmo, não podem ser abertamente comentados por questões de sigilo e ética profissional, pois, como trabalho desenvolvendo pessoas e organizações, não posso (e nem devo) comentar dados sigilosos. Como enfrentar conflitos, como resolver dilemas em organizações e dilemas de vida. Como lidar com medos. Tenho certeza que nem eu, nem você gostaria de ver esses dados publicados, não é?!

Por esses motivos, o que posso comentar abertamente, é de minha “outra vida” ou, minha vida na água.

G4625872

Muitos me perguntam: “por que duas vidas tão diferentes? ” Eu respondo “as vidas são iguais, só os meios é que são diferentes” (no caso os meios são literais: terra e água). Muitas das coisas que emprego nos mergulhos, vieram de minha vida profissional: controle emocional, planejamento, cuidado, segurança, metas, superação de limites e de desafios e, principalmente, muito amor e muita paixão.

Minhas vidas de água e terra caminhão juntas, só me fortaleço em uma porque me fortaleci na outra. É mais uma especialidade de mergulho, é mais uma centena no número de imersões, é mais um território conquista, são mais fotos que são curtidas, copiadas, gravadas, impressas, guardas, …, é mais tempo ou mais profundidade em apneia. As conquistas na água são acompanhadas de mesmos paralelos em terra.

Como por motivos éticos e de sigilo, não posso compartilhar detalhes e vitorias das conquistas como coach e profissional de gestão de pessoas (e têm sido muitas 🙂 ), quero compartilhar o paralelo de minha vida de água. Neste final de semana, eu venci mais uma barreira para mim e “cravei” uma bandeira mais fundo no mar. Conquistei os -18m em apneia (mergulho só com o ar dos pulmões), me permitindo ser certificada nível 2 pela AIDA (Associação Internacional de Desenvolvimento da Apneia). Para alguns pode parecer uma pequena conquista, não tem problema, pois a métrica do sucesso é interna e, para mim, é uma conquista enorme.

Como isso aconteceu? Muito plano, muito treino, muita vontade. Uma rede de apoio (e torcedores) e uma grande mestre. Nada disso ocorria sem uma condição básica: minha decisão em fazer!! De sair de um ponto A para um ponto B de desenvolvimento e habilidades.

Um belo dia eu decidi desenvolver uma habilidade para suportar minha vida na água: a apneia. Eu sempre me achei ruim nesta habilidade e, como passo muito tempo na água e não tenho a menor intenção de colocar minha segurança em risco, fui estudar. Definido primeiro objetivo: melhorar algo que para mim era importante e eu não fazia bem. Próximo passo: como fazer? No caso, era um curso de Apneia Survivor, com uma excelente profissional na área (sim, sempre busque se desenvolver com os melhores). Qual não foi minha surpresa que eu até que era boa “nessa coisa” de apneia? Território conquistado, novas metas traçadas.

Um parêntese: talvez aqui algumas pessoas estejam pensando: “Ah, você tem tempo!!”. Bom, meu dia também tem 24h (ah como eu queria que tivesse mais). Como não tem mais, bora ser produtivo e focado para poder “fazer caber”, ou seja, foco.

Próximos passos definidos com quando, onde, como, orientado para resultados … resumindo? Metas batidas: 1º lugar categoria dupla feminina -15m no 1º Petra Dive Games. Certificação AIDA nível 2 (abaixo dos -16m) com desafio para -20m. Agora falta retomar a apneia estática as ações já estão em curso também.

Deu medo? Sim!!! Fiquei nervosa? Muito, demais, de chegar a dar câimbra de tão nervosa. Deu certo? Muito. Quero mais? C-O-M–C-E-R-T-E-Z-A!!

A entrega é medida de comprometimento e as conquistas medidas da dedicação no rumo certo. Rumo certo é definido pelo seu desejo e seu plano.

Alguns podem estar pensando, no que isso tudo tem relação com ser coach? Tudo!! Ser coach é trabalhar com o desenvolvimento de pessoas, minha missão é poder auxiliar que cada um de meus clientes sejam o melhor que podem ser. Que possam ter uma carreira, uma vida mais plena. Que possam estar em equilíbrio e felizes. Clarificar o objetivo é o primeiro passo, e para isso se consulta as paixões e valores, para se traçar o rumo. Com o curso traçado, vamos para as ações.

Aquilo que alinha nosso coração e cérebro, está em nosso foco. Permite que todas nossas escolhas levem a ações em direção a este resultado desejado. O que ocorre? O resultado acontece!! Acontece e deixa gostinho de quero mais, para poder seguir evoluindo e ser o seu melhor.

E você, está vivendo sua melhor versão? Se não está, te convido a colocar seu potencial em ação e, se precisar de um auxílio… é só chamar  😉

Gostou? Quer conhecer mais e conversar?

cibele@rumocoaching.com.br
rumocoaching@gmail.com

www.facebook.com/rumocoaching
www.rumocoaching.com.br
https://www.linkedin.com/company/rumo-coaching

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *